quarta-feira, 26 de maio de 2010

2ª BLOGAGEM COLETIVA EM AÇÃO!




Bem, amigos, a nossa segunda blogagem coletiva começa oficialmente amanhã. Porém, como já há alguns postando hoje em seus blogs, já começaremos a colocar aqui os links dos participantes. 

Tema: Fotografe e conte a história. Vocês terão de postar uma foto tirada por vocês mesmos e falar sobre ela.
Por favor, aqueles que forem postando, deixem um comentário aqui para nos avisar, para que possamos colocar o seu link. À medida que vamos sendo avisados, vamos acrescentando os links aqui, ok? Não se preocupem se houver alguma demora, todos estarão aqui.


Todos os listados aqui já serão automaticamente inscritos para o sorteio do livro.
Lembrando que os blogs poderão fazer os seus posts e se inscreverem até o dia 31 de Maio, segunda-feira. Temos aí, então, um bom tempinho para que todos possam participar. Terminado esse prazo, as inscrições serão encerradas.


Desde já agradecemos a todos pelo empenho e pela participação!


Beijo grande!

Sanzinha.

 Blogs Participantes

domingo, 23 de maio de 2010

Convite para a 2ª Postagem Coletiva





Olá pessoal...

Convidamos a todos os amigos para a nossa 2ª Postagem Coletiva, que se realizará entre os dias 27 e 31 de maio.

O tema proposto é o seguinte:



"FOTOGRAFE E CONTE A HISTÓRIA"


Você deve tirar uma foto e falar sobre a mesma, ou então aproveitar alguma de seus arquivos pessoais para que possa participar. Use da criatividade e surpreenda a blogosfera com sua narrativa, poema, história ou qualquer outra forma que você desejar para que possamos interagir... 

O Espaço está Aberto... Portanto... Mãos a obra.

Lembramos que será sorteado um livro logo após o término da blogagem. Participem!


OBS¹: Para essa postagem, tentaremos colocar em prática o programa no qual cada participante quem irá inserir o link de sua postagem em nosso blog


OBS²:  As músicas de fundo são composições em parceria do nosso amigo Elcio e o seu irmão Edu. (Edu Toribe, quem canta e encanta em nosso Blog)



sexta-feira, 21 de maio de 2010

Dia de festa...




Hoje o nosso blog está em festa!


Convidamos todos os nossos amigos
para comemorarem junto conosco essa data especial.


Hoje, dois administradores desse Blog,
 estão fazendo aniversário.

Elcio e Liene!

Parabéns Amigos!

Desejamos que este seja um dia
repleto de muitas alegrias e vitórias para vocês!






Entre, aproveite e deixe o seu recado para eles!



"Celebrar a vida é somar amigos, experiências e conquistas, 

dando-lhes sempre algum significado."

(Autor desconhecido)

Beijos e abraços para todos nesse dia festivo!




terça-feira, 18 de maio de 2010

DICA DE LIVROS




Olá pra todo mundo! Não sou muito boa em me apresentar, mas vamos lá. Sanzinha sou eu. Sandra Mendes. Formada em Letras, professora de Inglês, mas longe das aulas no momento. Feliz da vida por ter sido convidada pra fazer parte deste blog tão especial, ao lado do Elcio, da Tatiana, da Liene e, sim, do meu amore Wilson! ehehe. Alguns que nos visitam já me conhecem por causa do meu blog. Outros, conhecerão agora.
Hoje estou aqui para falar sobre livros. Então vamos lá!
Ler é o item que ocupa o terceiro lugar na minha lista de “coisas que amo fazer e que faço bem feito”. Dormir ocupa o segundo. E o primeiro não é da conta de vocês! Rsrs
Bem, quero falar aqui sobre dois livros. Aí vão eles:




 
A Guerra de Clara é baseado no diário da judia polonesa, Clara Shwarz – hoje, Clara Kramer -, onde ela narra o horror dos quase dois anos em que sobreviveu, com o que restou de sua família, num abrigo construído no subsolo da casa de um anti-semita, durante o Holocausto.
Nenhuma ficção. Cada palavra e cada linha escritas neste livro nos traduzem sentimentos que, nem mesmo com a ajuda de uma imaginação muito fértil, seríamos capazes de entender na sua totalidade.
Uma história na qual vemos o horror e a beleza seguirem lado a lado. Porque tanto sangue e tanta desgraça não foram capazes de endurecer os corações das vinte pessoas, acolhidos e acolhedores, que se uniram para sempre por um laço de amor indestrutível e inestimável.
Não queiram saber o quanto eu chorei e ri enquanto lia os relatos narrados por ela. Me emocionei demais! E de tudo o que li no livro, há um trecho lindo, que simplesmente não me sai da cabeça. Clara o escreve enquanto tenta descrever a miséria em que se encontram pela morte de sua irmã de 13 anos e, ao mesmo tempo, a maneira como o amor por ela os confortava:

"Então teríamos de prosseguir sem ela, nosso amuleto da sorte. Quiséssemos ou não, continuávamos vivos. Sei que não existe coração partido. O coração continuará batendo para nos provocar, zombar de nós e nos dizer que até mesmo no sofrimento ele é indestrutível e cheio de amor".(pg. 164)

Olhando para trás, num devaneio até besta, fico pensando que os chineses, quando aperfeiçoaram e “inventaram” o papel, uma centena de anos antes de Cristo, estavam longe de saber que, dentre tantas coisas e benefícios que viriam com o uso do dele, escondida e tímida, se encontrava a dignidade.

"Hoje, aos 81 anos, Clara Kramer vive na cidade de Elizabeth, em Nova Jersey, e percorre as escolas da região fazendo palestras sobre sua história de sobrevivência. Há mais de vinte anos, preside a Holocaust Resource Foundation, da Universidade Kean, entidade dedicada a sensibilizar educadores para a importância de preservar a memória do holocausto: a cada ano, cerca de 1.200 professores participam das ações promovidas pela fundação. O diário original de Clara está abrigado no National Holocaust Museum, em Washington D.C."
 
Isso é o que está na contracapa do meu livro que, sem dúvida nenhuma, já faz parte dos meus favoritos.

 




Agora, temos A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata, de Mary Ann Shafer e Annie Barrows. Uma delícia de romance, encenado nas ilhas de Guernsey, no Canal da Mancha, depois da Segunda Guerra Mundial. Mas há uma novidade: a história se faz através das cartas trocadas entre os personagens do livro, não há narrativa. É um romance epistolar. Juliet Ashton é a personagem central com suas cartas para os seus amigos. Ela é escritora e está em busca de um tema para seu próximo livro. Enquanto isso, chega às suas mãos a carta de um desconhecido, morador de Guernsey, que entra em contato com ela para fazer uma consulta bibliográfica. A partir daí, tem início a troca de cartas entre os dois e outros personagens que chegarão depois. É um romance delicioso, bem humorado, que nos mostra o poder que a literatura pode ter sobre a vida das pessoas, e, também, nos retrata parte dos horrores da guerra. E ficamos tão maravilhados com as pessoas por trás das cartas, que não nos conformamos que sejam apenas personagens de ficção.

Tenho certeza de que não se arrependerão de ler esses livros!

Bom, é o que tem pra hoje... rs. Espero que tenham gostado!

Até a próxima!
Sanzinha.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Enfoque Educacional




Mais uma seção será postada em nosso Blog,
desta vez o assunto é Educação.
É com imensa alegria que recebemos a contribuição
do Professor Pena, para tratar deste assunto tão importante.




António Manuel Relvas Pena Gil.
Licenciado pela U.T.A.D. Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, no Curso de Desenvolvimento Pessoal e Social.(CESE)- Centro de Estudos Superiores Especializados e actualmente a leccionar numa pequena escola algures na cidade de Vila Real situada no norte de Portugal.  Escreve, regularmente no seu blogue assuntos de carácter educativo e formativo, intitulando as reflexões que faz como "Diário de um Professor".










Olho o Mundo. Olho a vida. Observo que fluí docemente.
De uma forma cristalina.

Conheci muitos “Mundos”. Muitos “Mundos” belos. Puros. Lindos de sonhar...
Ao leve desenrolarem da sua eterna magia.
Não! Não preciso de a esquematizar? Surge “viva”. Apurada. Maravilhosa.
Ao olhar terno e doce de qualquer pessoa.

Nunca descobri seres humanos de uma vivacidade e alegria tão surpreendente.
Respeito-os.

A aventura da vida em que se lançam, merecem-me toda a dignidade e
pureza do que são.
Ali. Existem “Vidas” pequeninas. “Vidas” preciosas. Encantadas. Feitas
pelo “feitiço” da ternura.

Ninguém pode silenciá-los. Nunca o permitiria. Têm “Vidas” para contar.
Tento entendê-los. Sem os entender, se calhar...
A aventura da vida infantil transportam-nos. “Eleva-nos” para Mundos
de fantasia. De encanto. De beleza.

Não passo de um Professor ignorado. Simples. Sincero. Que ninguém conhece.
Existo, apenas e só, para entender o mistério da vida que os chama a
viver. A “Serem”!
E, Eles e Elas, “são-no”. Na plenitude do seu harmonioso “Ser”, entendem?

Para quê explicar, o que já está explicado.
A aventura da vida em que se lançam é preciosa.

Comporta “tesouros” que entendo tão bem, tão bem!•Percebem?
Sei que sim.

Então, tudo está bem.

Só um "pormenorzinho/Gigante"... Sim?

Sim...

A todos, no seu Processo Educativo:

Urge que os deixem descobrir a aventura da vida tão bela que encetaram
na sua descoberta...

Respeitem, peço-lhes… os sonhos em que vivem... porque sonham…

Eles são de encantar…Acreditem…?.




terça-feira, 11 de maio de 2010

Cine Dicas






 É com imensa alegria que inauguramos em nosso Blog 
a Seção que irá trazer para os nossos amigos, dicas de filmes. 
Com vocês a nossa amiga Luciana 
que entende muito sobre o assunto.




Luciana Negreiros nasceu em 12 de janeiro na cidade de Porto Alegre. Das coisas que mais gosta de fazer destaca, ver filmes, ouvir músicas, navegar na internet, publicar no seu Blog. Atualmente trabalha como maquiadora. Suas postagens no seu Blog são direcionadas ao cinema devido a sua paixão pela sétima arte. Revela que adora nos filmes, as frases, as cenas, tudo de um modo geral e identifica-se muito com alguns filmes.



Filme: Antes que termine o dia






A primeira vez que ouvi falar nesse filme foi no meu antigo Orkut, tinha colocado no álbum algumas capas de filmes que eram meus preferidos, então uma amiga virtual me perguntou se eu já tinha visto o filme "Antes Que Termine O Dia" e eu disse que não o conhecia na verdade havia confundido ele com outro filme Antes Do Por Do Sol nada a ver um com o outro, então fui no You Tube e pesquisei sobre o filme e vi um trecho do filme em que o personagem Ian se declara para a personagem Samantha foi só ter visto esse trecho que eu já decidi que iria ver esse filme, então num feriado de carnaval eu aluguei o filme e o vi me apaixonei por ele e hoje ele é o meu preferido sempre coloco ele em referência a qualquer coisa.
O que falar desse filme? Ele diz tudo que a gente quer dizer e fazer para uma pessoa, é um amor que só conseguimos viver uma vez na vida se é que conseguimos um dia vivê-lo, nesse filme tudo é perfeito, o local onde se passa o filme, o apartamento em que eles vivem, a declaração de amor, as músicas tocadas principalmente a música da parte final do filme onde ali vemos todo o sofrimento de uma pessoa que perdeu o amor da sua vida, é um filme que vale a pena ser visto pela linda história de amor e o destino das pessoas que pode mudar de uma hora para a outra.


Sinopse Do Filme:

Ian (Paul Nicholls) e Samantha (Jennifer Love Hewitt) formam um casal feliz e cheio de planos para o futuro. Enquanto Samantha busca demonstrar seu amor a todo momento, Ian procura voltar sua atenção para a carreira e os amigos. Após um dia em que tudo deu , eles terminam o namoro. Entretanto um acidente faz com que a vida deles mude de rumo. No dia seguinte Ian percebe que acordou novamente no dia anterior, tendo a chance de refazer tudo o que tinha feito antes, só que agora da forma correta.

Gênero: Comédia Romântica
Ano: 2004
Título Original: I Only


domingo, 9 de maio de 2010

FELIZ DIA DAS MÃES PARA TODOS

                                       

OLÁ AMIGOS, ESTA SEMANA FOI UM POUCO TUMULTUADA, INTEGRANTES DO ESPAÇO ABERTO COM PROBLEMAS PESSOAIS, OUTROS COM PROBLEMAS NO TRABALHO, MAS NÃO PODERÍAMOS DEIXAR AQUI AUSENTE UMA MENSAGEM  PARA TODAS AS MAMÃES BLOGUEIRAS QUE FREQUENTAM OU NÃO O NOSSO "ESPAÇO ABERTO"

UM LINDO DOMINGO EM FAMÍLIA PARA TODOS NÓS.
UM ABRAÇO, UM CARINHO E UM FELIZ DIA DAS MÃES É O QUE DESEJAMOS A VOCÊS DE CORAÇÃO E ALMA.

FIQUEM COM O VERÍSSIMO...RS...PORQUE MÃE É EXATAMENTE ASSIM...RSRS...

Mãe: Alô? / Filha: Mãe? Posso deixar os meninos contigo hoje à noite? / Mãe: Vai sair? / Filha: Vou. / Mãe: Com quem? / Filha: Com um amigo. / Mãe: Não entendo porque você se separou do teu marido, um homem tão bom… / Filha: Mãe! Eu não me separei dele! ELE que se separou de mim! / Mãe: É.. você me perde o marido e agora fica saindo por aí com qualquer um… / Filha: Eu não saio por aí com qualquer um. Posso deixar os meninos? / Mãe: Eu nunca deixei vocês com a minha mãe, para sair com um homem que não fosse teu pai! / Filha: Eu sei, mãe. Tem muita coisa que você fez que eu não faço! / Mãe: O que você tá querendo dizer? / Filha: Nada! Só quero saber se posso deixar os meninos. / Mãe: Vai passar a noite com o outro? E se teu marido ficar sabendo? / Filha: Meu ex-marido!! Não acho que vai ligar muito, não deve ter dormido uma noite sozinho desde a separação! / Mãe: Então você VAI dormir com o vagabundo! / Filha: Não é um vagabundo!!! / Mãe: Um homem que fica saindo com uma divorciada com filhos só pode ser um vagabundo, um aproveitador! / Filha: Não vou discutir, mãe. Deixo os meninos ou não? / Mãe: Coitados… Com uma mãe assim… / Filha: Assim como? / Mãe: Irresponsável! Inconseqüente! Por isso teu marido te deixou! / Filha: CHEGA!!! / Mãe: Ainda por cima grita comigo! Aposto que com o vagabundo que tá saindo contigo você não grita. / Filha: Agora tá preocupada com o vagabundo? / Mãe: Eu não disse que era vagabundo!? Percebi de cara! / Filha: Tchau!!! / Mãe: Espera, não desliga! A que horas vai trazer os meninos? / Filha: Não vou. Não vou levar os meninos, também agora não vou mais sair. / Mãe: Não vai sair? Vai ficar em casa? E você acha o que, que o príncipe encantado vai bater na tua porta? Uma mulher na tua idade, com dois filhos, pensa que marido está assim fácil? Se deixar passar mais dois anos, aí sim que vai ficar sozinha a vida toda! Depois não vai dizer que não avisei! Eu acho um absurdo, na tua idade você ainda precisar que EU te empurre para sair!



Luiz Fernando Verissimo

MAIS UMA VEZ AGRADECEMOS A CARMEM E AO RAFAEL PELA DISPONIBILIDADE E BOA VONTADE EM COLABORAR COM O ESPAÇO ABERTO...OBRIGADO AMIGOS.
AGUARDEM AS PRÓXIMAS POSTAGENS...IMPERDÍVEIS...

quinta-feira, 6 de maio de 2010

ESPAÇO SAÚDE



Olá pessoal... É com muita alegria e satisfação que apresentamos a vocês a nossa amiga e convidada, Carmem Lúcia Vilanova, que junto a seu esposo, o médico Rafael Morales, serão os responsáveis pelo assunto Saúde dentro da proposta do Espaço Aberto de promover na blogosfera uma maior conscientização sobre transtornos como o Mutismo Seletivo que será abordado nesta postagem.
Aproveitem á oportunidade, pois o Espaço Aberto a partir de hoje estará levando até vocês este prático e inovador consultório virtual.








Aqui um pouquinho mais sobre a nossa amiga e colaboradora



CARMEM LÚCIA VILANOVA –



Brasileira, recifense de nascimento, brasiliense de criação e coração, cidadã do mundo com experiência no que há de mais diverso na vida, de cortar côco a pintar casas, de pregar botão a fazer filhos, nossa única oportunidade de brincar de ser Deus...
Plantadora de sonhos, que ora os colhe com alegria, ora com tristeza, mas sempre com esperanças de que a Vida seja sempre bela... e ela sempre é!
Amiga dos meus amigos!
Amor dos meus amores!
Teimosa como uma mula, adepta do "lutar sempre... desistir, jamais!"
Cheia de defeitos e qualidades como todo bom ser humano, nem melhor, nem pior do que ninguém, apenas diferente.
Experiências? Algumas!
Mulher, mãe, filha, esposa. E é pouco?
Formada em Letras Espanhol pela Universidade Federal de Sergipe, estudante de meio curso de arquitetura pela Universidade Católica de Goiânia, estudiosa de nutrição e tudo o que se relaciona à saúde, seja física ou mental. Meio psicóloga, o que venho aprendendo junto ao meu esposo Rafael com o passar dos anos de convivència, afinal, experiência profissional também é contagioso... e como!!!
Vegetariana por amor aos animais e à vida. Crudívora por opção e saúde.
Sagitariana, 42 anos (completos em dezembro de 2009), casada com Rafael (peruano), mãe de Lucas de 21 anos (brasileiro) e Carmencita de quase 6 (americana)

E, se posso resumir minha vida em uma só palavra, essa palavra seria... FELIZ!



E para dar início ao nosso Espaço Saúde, com vocês...



Mutismo Seletivo... Você sabe o que é?




Em linhas gerais, podemos dizer que Mutismo Seletivo é um transtorno de ansiedade social severo e persistente de caráter genético-hereditário que se caracteriza pelo fato de que a criança acometida desta condição evita a interação através da linguagem falada ou de compartilhar de algumas atividades sociais não familiares, devido ao fato de apresentar uma ansiedade grave, possuindo, no entanto, desenvolvimento e amadurecimento de suas habilidades de linguagem e aprendizagem absolutamente normais, as quais são evidentes em ambientes onde a criança se sente cômoda e segura, comumente na companhia dos pais, irmãos ou familiares mais próximos.
O Mutismo Seletivo, no entanto, está longe de ser um aspecto de timidez excessiva. Vai muito mais além. A timidez não paraliza uma pessoa, o Mutismo Seletivo sim. Por este motivo, é imprescindível a identificação do problema e de não confundí-lo como uma timidez extrema, visto que somente desta forma a criança poderá receber a ajuda necessária.
Uma das maiores frustrações dos pais de crianças com Mutismo Seletivo é que quando procuram conselho do pediatra ou profissional de saúde mental para crianças pequenas que não falam fora de casa, normalmente costumam escutá-los dizer que a criança é somente tímida e quando começa a etapa de frequentar o jardim de infância são informados por empregados da escola que a criança está severamente perturbada e que necessita ajuda psicológica.
As crianças com esta condição apresentam dificuldades para manter contato visual, evitam sorrir e expressar-se através de emoções faciais (em presença de estranhos), permanecem quietos fisicamente, tendem a uma maior ansiedade quando se dá a situação em que o uso da fala é esperada pelos demais, costumam se preocupar pelas coisas muito mais do que o normal, tem uma maior sensibilidade com relação ao barulho, sons estranhos e aglomerações de gente, sentem dificuldade de expressar-se de forma verbal ou não verbal quando em situações sociais estressantes, normalmente apresentam sentir mais medo das coisas consideradas normais, e demonstram, igualmente, um apego muito maior do que o normal das crianças.
Obviamente estas não são as únicas características do problema, mas são os mais significativos, ou pelo menos, os mais universais.
Sabe-se atualmente que o Mutismo Seletivo é muito mais comum que alguns outros tipos de transtornos, afetando uma média de 7 a cada mil crianças, sendo que destas, as meninas estão em uma proporção de 2:1. As razões pelas quais o Mutismo Seletivo se apresenta ainda é desconhecida, embora é sabido que o componente genético é predominante e, havendo histórico de traços temperamentais dos pais e antepassados relacionados à timidez, introversão ou ansiedade, podem promover a aparição desta limitação.
A criança muda seletiva não é, em absoluto, uma criança que deixa de falar por rebeldia, ou incapacidade de fazê-lo, menos ainda por malcriação ou por querer chamar a atenção. Ela não o faz simplesmente porque não pode, por uma intensa ansiedade que bloqueia esta habilidade. É preciso realçar que a criança não escolhe ficar calada em certas ocasiões, mas sente-se forçada a isso pela extrema ansiedade que vivencia, apesar de sua vontade e desejo de falar e interagir.
As crianças com Mutismo Seletivo não usam seu silêncio como uma forma de agressividade passiva, manipulação ou forma de desafiar aos demais. O Mutismo Seletivo não implica em uma decisão consciente por parte da crianças, e sim algo que ela não pode controlar, dado ao caráter involuntário do problema.
Há crenças de que as crianças com Mutismo Seletivo assim o são por ser severamente ou emocionalmente perturbadas ou por haver sofrido algum tipo de abuso. Não há, no entanto, evidências que confirmem esta crença. Avanços recentes, inclusive, nos levam a entender a base neurobiológica da ansiedade fazendo-nos entender que os seres humanos vivem geneticamente estruturados para ser vigilentes ante o perigo, e que em alguns indivíduos os mecanismos de regulamentação destes circuitos são excessivamente sensíveis, o que resulta que para estas pessoas, situações normais do dia a dia criam respostas de ansiedade que vão muito além dos níveis considerados normais.
Não há igualmente evidências de que as crianças portadoras de Mutismo Seletivo sejam provenientes de famílias tipicamente conflitivas.
A expectativa de que a criança fale, por parte dos adultos e-ou sociedade, é um fator prejudicial para o problema, visto que sendo a ansiedade a fonte e combustível desta dificuldade, qualquer situação ansiosa, estressante, agressiva ou exigente quanto à fala, não fará senão piorar a forma como a criança se sente e sua habilidade para lidar com a tamanha pressão que implica qualquer situação social. Sendo assim, ser paciente, respeitoso, compreensivo, afetuoso e manter uma atitude de apoio é sempre a melhor maneira de apoiar à criança, apoiando sua inclusão e adaptação ao entorno social do qual compartilha em plenitude, embora sem o uso da linguagem falada, respeitando e apoiando sua individualidade, o qual será a melhor forma de estimular sua tranquilidade, confiança e sentido de segurança, pois é em base a estas que a criança conseguirá reduzir e vencer, gradualmente, a ansiedade e assim, implementar o uso da fala como meio de relacionar-se em um futuro.


Por Carmem L Vilanova & Rafael Morales






terça-feira, 4 de maio de 2010

Entrevista do mês





Nossa proposta para o Espaço Aberto é ter um entrevistado por mês. São muitas as pessoas especiais que queremos mostrar mais sobre a sua história e personalidade.

Nossa primeira entrevistada do mês é uma pessoa maravilhosa, que a cada postagem nos leva a uma reflexão profunda sobre a vida e o ser humano. Se você ainda não a conhece, não deixe de conferir as maravilhas que a Vivian do Blog InFoco - http://vivi-infoco.blogspot.com/ nos presenteia a cada postagem.


1. Uma descrição do InFoco...

...na verdade, quando eu criei o InFoco a intenção era
postar diariamente uma imagem e um pensamento conivente
com a mesma.
e assim é até hoje.

2. De onde surgiu a idéia de criar o InFoco?

...sempre tive blogs em outros servidores (UOL) e (IG)
e embora estejam abandonados, ainda permanecem online.


Você obteve alguma inspiração em algum outro blog
para começar a publicar o seu?

...inspirada no Clicando a Vida, e Portal do Pensamento
é que resolví trazer meus dons, rsrs, também no Blogger,
onde me realizei junto a tantos amigos afins.


3. Como foi a sua primeira postagem e o que te motiva a manter o InFoco?

...minha primeira postagem no InFoco se deu no dia 30 de julho de 2008, e trazia com ela este título:
Shakespeare 
"Aquele que gosta de ser adulado é digno do adulador."


4. O que você dá mais importância em seu blog? E por que?

...me preocupo com assuntos espirituais e gosto muito
de postagens diárias, porque adoro interagir com as pessoas.


5. Qual o interesse dos visitantes no InFoco?
Que tipo de informação ou interação você acha que eles procuram?

...no decorrer destes quase dois anos de blog, percebo nas pessoas o mesmo interesse o mesmo gosto pela linha esotérica que é na maioria das vezes, a tõnica dos meus posts.


6. O que você mais sente falta no Brasil e como expressa isso em seus textos ou poemas?
...sem sombra de dúvida o que mais falta no Brasil é seriedade política, mas prefiro não me aprofundar por este lado negativo, por saber que críticas não ajudam o crescimento de ninguem.


7. Como você define seu momento de criação ou de escolha caso você não escreva seus próprios textos ou poemas?

...quando estou elaborando um post, seja ele com minhas próprias impressões ou não, sempre o faço movida pelo coração em respeito a todos que por aqui passarem.

 
8. Qual a imagem que você faz das pessoas que apenas colam comentários e não interagem com o que você de fato escreveu?

...neste mundo virtual podemos nos deparar com um vasto campo onde imperam todas  as cabeças e seus respectivos pensamentos, e é claro que muitos deles não se  afinam com uma linha ou outra, e assim deixam de apronfundar-se conforme  seus interesses os guiam.
Não vejo isso como defeito, e sim como consequencia de
crescimento interior, ou não.
 
9. Porque você batizou o seu blog com este nome?

...a resposta se encontra no primeiro ítem do questionário.


10. Se puder e quiser, fale um pouco de você e de seu trabalho.
...sou tudo aquilo que mostro nos meus posts.


11 . Você acha que a visitação/repercussão do  InFoco está boa?
Era isso que você esperava?

...houve um tempo em que o InFoco era mais visitado do que hoje, mas isso não  me incomoda de forma alguma, quando sei distinguir qualidade de quantidade, e posso afirmar que os que me acompanham são cabeças de extrema riqueza
espiritual, e juntos criamos egrégoras de bem viver.

 
12 . Sobre o layout das suas postagens (imagens), como você definiria seu estilo?

...primo pela simplicidade.

 
13. O que te chamou mais a atenção na blogosfera?
....está busca de encontrar no outro, um pedacinho de todos nós.


14. O que faz você pensar em desistir de continuar com o InFoco?
Algo assim que te aborreça e que gostaria que fosse diferente...

...nem me passa estes conflitos porque adoro GENTE, e por aqui encontro
muitas riquezas, das quais não penso abrir mão jamais.


15. Como faz para escolher o titulo de seus poemas ou textos?
...nasce na hora...rsrs

16. Você poderia afirmar que a música influi diretamente em sua forma de escrever? Caso sim...explique como se dá este processo.
...procuro manter em minha página melodias condizentes com o seguimento do post, mas nem sempre faço uso da música para me inspirar.


17. Quanto aos comentários e visitas, qual o nível de importância eles tem para você no sentido de dar continuidade ao InFoco ?

...outra vez respondo que não me importo se tenho uma ou mais visitas diárias, e sim valorizo o conteúdo das palavras alí deixadas.


18. A que ponto o InFoco interfere na sua vida pessoal? - Ou o contrário...rs...

...o InFoco faz parte da minha rotina diária, e isso até hoje só me trouxe alegrias intensas, principalmente quando me pego emocionada com os carinhos de tantos amigos sabe-se lá a quantas milhas se encontram fisicamente, mas tão pertinho do meu coração.


19. Aqui o Espaço agora fica Aberto para que você possa deixar o seu recado...

...eu só posso agradecer a vocês Élcio e Tatiana pela oportunidade de poder estar aqui abrindo meu coração a todas as pessoas que fazem parte deste mundo virtual e ao mesmo tempo tão real, e assim reafirmar o meu eterno respeito, carinho, e admiração,  a todos os amigos da blogosfera
sempre tão rica de tantos ensinamentos, e de tantas emoções via mouse...

Muitíssimo Obrigada!
Namastê!

Nós quem agradecemos de coração a sua participação Vivian!
Muito obrigada!





Agora que você já leu e conheceu essa pessoa iluminada que é a Vivian...

Conheça o (a) felizardo (a) que ganhou no sorteio do Livro de Poesias 
em nossa 1ª Postagem Coletiva!

Aproveitamos para agradecer a todos pela participação!

O vencedor foi... Blog Raio X



LinkWithin

Related Posts with Thumbnails